5 dicas para quem deseja engravidar em 2022

Fatores como consumo de bebida alcoólica, estresse, obesidade e tabagismo podem prejudicar a fertilidade de homens e mulheres, reduzindo as chances de gravidez. Casais que têm o sonho de ter um filho em 2022 precisam iniciar os cuidados antecipadamente para aumentar as chances de tratamento.

Dados apontam que as mulheres respondem por 30% dos casos de infertilidade, e os homens são responsáveis por outros 30%. Em 20% dos casos, as causas são conjuntas e, no restante, há a chamada “infertilidade sem causa aparente”, em que não é possível estabelecer um diagnóstico.

Mas, existem formas de melhorar a fertilidade e aumentar as chances de gravidez. Entre as opções está a fertilização in vitro ou reprodução assistida. Nos últimos 10 anos, a busca por fertilização in vitro no Google aumentou 33,5%.

O médico ginecologista Ricardo Beck, especialista em reprodução humana, explica que esses procedimentos aumentam as chances de uma gravidez bem sucedida.

“A inseminação artificial e a fertilização in vitro são técnicas que acompanham todo o processo de formação do embrião até a transferência para a barriga da futura mãe. Quem não consegue por meios naturais, tem cerca de 40% de chances de ter o procedimento bem-sucedido na primeira tentativa”, diz.

Para aqueles que sonham com a chegada de um bebê em 2022, algumas atitudes são importantes para preservar a fertilidade e alcançar uma gestação saudável, e o ideal é que a mudança de hábitos comece meses antes de tentar engravidar.

1 – Suspenda o uso de métodos contraceptivos

Pode ser necessário até 8 meses para engravidar e normalizar o ciclo menstrual após parar de tomar a pílula anticoncepcional. Uma dica que pode ajudar é preferir alinhar os dias de prática sexual com o período fértil da mulher para aumentar as chances de uma gravidez.

2 – Pare de fumar

As mais de 400 substâncias tóxicas presentes no cigarro podem prejudicar a fertilidade e aumentar o risco de malformação no bebê. O médico ginecologista explica que o fumo deve ser suspenso meses antes de planejar a gravidez.

“Mulheres que fumam estão mais propensas a apresentarem casos de infertilidade, o que já atrapalha o sonho de ser mãe. Durante a gravidez, o tabaco também aumenta o risco de aborto espontâneo, parto prematuro e pode alterar o funcionamento da placenta. Por isso é bem importante parar de fumar quando pretende engravidar”, afirma Beck.

A médica ginecologista Patrícia Cunha Pereira diz que conviver com pessoas fumantes também pode ser prejudicial.

“Seu parceiro, parceira ou qualquer outra pessoa com quem você more não deve fumar perto de você durante a gravidez. O fumo passivo pode expor seu feto a produtos químicos tóxicos”, explica.

3 – Faça atividade física com frequência

Manter o corpo ativo e fazer exercício físico regularmente contribui para a preservação da fertilidade e ajuda a engravidar mais rápido.

“A prática de atividade física traz benefícios para todo o organismo, e quando falamos em fertilidade, o impacto também é positivo. Melhora da circulação sanguínea e aumento da produção e qualidade dos espermatozóides são alguns exemplos, além de diminuir a ansiedade e o estresse, fatores que também podem dificultar uma gravidez”, explica Beck.

Patrícia também orienta as pacientes a terem uma rotina de atividade física que envolve fortalecimento muscular.

“Tente fazer 150 minutos de atividade física moderada a cada semana, junto com atividades de fortalecimento muscular em 2 dias ou mais por semana. Você pode dividir o número recomendado de minutos em sessões de treino mais curtas ao longo da semana. Por exemplo: fazer um treino de 30 minutos 5 dias por semana. Defina uma rotina que funcione melhor para você”, explica.

4 – Consuma mais vitaminas e minerais

Alguns alimentos melhoram o funcionamento do corpo e apresentam um impacto positivo na fertilidade, como é o caso da vitamina B6 e B12 encontradas no feijão e na lentilha, importantes para o ciclo de amadurecimento dos óvulos. O selênio encontrado no atum também é recomendado para os homens, já que atua na formação de espermatozóides saudáveis e na produção de testosterona. O ideal é fazer acompanhamento com um nutricionista para adotar uma dieta saudável e que auxilie na gestação.

5 – Faça um check up com um médico ginecologista

Mulheres e homens que têm o sonho de ser mãe e pai podem procurar um médico especializado em reprodução humana para garantir que tudo está de acordo para gerar um bebê. Mulheres com mais de 40 anos podem apresentar mais dificuldade para engravidar e, nesses casos, a fertilização in vitro ou reprodução assistida pode ser a solução.

“Se o casal perceber que mesmo com uma vida saudável não consegue engravidar, pode haver um problema de fertilidade, e até mesmo a idade é considerada como um fator preocupante. Mas, não é impossível. Muitos procedimentos como fertilização in vitro, inseminação artificial, indução de ovulação e coito programado podem contribuir para o resultado positivo no teste de gravidez”, explica o médico especialista em reprodução humana.

Published by Rubia Rocha

Rubia Rocha, publicitária, designer e apaixonada por artesanato, estava decidida a produzir o seu próprio casamento na intenção de encontrar alternativas criativas para subir ao altar. Para se organizar melhor, começou a arquivar as melhores inspirações e ideias no Blog do casamento, que hoje é referência no assunto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close Bitnami banner
Bitnami